EXAME – Justiça francesa ordenou devolução aos herdeiros do Conde de Paris

o
Tesouros | 20/09/2013 10:07

Herdeiros do conde de Paris recuperam bens

Justiça francesa ordenou devolução aos herdeiros do conde de Paris de “bens históricos”, como quadros avaliados em milhões de euros

Henri d'Orléans, conde de Paris

Henri d’Orléans, conde de Paris: conde de Paris reivindica ser o herdeiro do trono da França

Paris – A justiça francesa ordenou a devolução aos herdeiros do conde de Paris de “bens históricos do tesouro dos reis da França“, entre eles quadros avaliados em “várias dezenas de milhões de euros”, anunciou nesta sexta-feira à AFP seu advogado, Olivier Baratelli.

O título de conde de Paris é utilizado pelo primogênito da família de Orleans. O conde de Paris reivindica ser o herdeiro do trono da França.

Dez herdeiros do conde de Paris Henrique de Orleans, falecido em 1999, recorreram à justiça para recuperar bens que ele doou à Fundação Saint Louis, criada por ele mesmo.

A justiça recusou, por sua vez, entregar castelos e capelas que os demandantes reivindicavam.

Baratelli comemorou este veredicto histórico, com o qual “um tribunal da República restitui aos filhos da Família da França bens que foram presenteados por quem pensava que podia evitar as leis da República”.

O tribunal declarou nulas as doações feitas pelo conde de Paris em 1976 e pela condessa de Paris em 1977, já que não houve autorização administrativa, segundo o advogado.

Estas duas omissões demonstram, segundo Baratelli, a vontade do conde de Paris de “ocultar bens consideráveis dos quais queria privar seus filhos”.

Anúncios
Esse post foi publicado em Sem categoria e marcado , , . Guardar link permanente.