Trineto da Redentora se candidata a deputado na França

o

O Príncipe Charles Philippe de Orleans, neto da Condessa de Paris, D. Isabel de Orleans-e-Bragança (1911-2003) — que era neta e afilhada da Redentora —, acaba de se lançar como candidato a deputado pela 5ª Circunscrição dos Franceses do Estrangeiro, conforme reporta o site http://www.charlesphilippedorleans.fr/.

Sendo trineto de D. Isabel I, o candidato é um Sócio Honorário do IDII (Estatutos Sociais, art. 8º, par. único).

A 5ª Circunscrição dos Franceses do Estrangeiro engloba Andorra, Espanha, Mônaco e Portugal.

As eleições parlamentares francesas ocorrerão entre 3 e 17 de junho de 2012.

O Príncipe, nascido em 1973, é o Duque consorte de Cadaval, sendo casado com D. Diana Álvares Pereira de Mello, Duquesa de Cadaval, nascida em 1978.

A Casa Ducal de Cadaval e a Casa Ducal de Lafões são as duas linhagens mais altas da nobreza de Portugal, haja vista serem ramos da própria Casa Real.

Na Espanha Charles Philippe é um primo-sobrinho do Rei, D. Juan Carlos I. Ele viveu no país durante muitos anos, pois lá também se estabeleceu sua mãe, a Princesa Michel de Orleans, Condessa de Évreux (n. Condessa Beatrice Pasquier de Franclieu).

Andorra é um principado catalão entre a Espanha e a França, onde governa uma administração nacional chefiada, honorariamente, pelo Presidente da República Francesa e o Bispo de Urgell (Espanha), mantendo uma tradição de quase mil anos.

Mônaco, universalmente célebre, é governado pela dinastia Grimaldi-Polignac, predominantemente francesa e bastante relacionada aos príncipes de Orleans.

O Príncipe Charles Philippe é bastante engajado em diversas atividades sociais e políticas há alguns anos. Atua como grão-mestre do ramo francês da Ordem Militar e Hospitalar de São Lázaro de Jerusalém, dita Ordem de São Lázaro, uma das herdeiras históricas das muitas ordens de cavalaria medievais criadas para cuidar de doentes, leprosos, desamparados em geral.

Assim como a Ordem de Malta – que é sujeito de Direito Internacional Público -, as demais ordens católicas tentam reviver, nos dias atuais, parte do espírito caritativo que impregnava seus fundadores e idealizadores, séculos atrás.

Anúncios
Esse post foi publicado em Sem categoria e marcado , , , , . Guardar link permanente.