A Missa de 7º dia de Dona Maria da Baviera – Coluna da Hildegard

O enterro em Vassouras foi de caráter privado e singelo, extremamente cristão, como foi toda a vida da Princesa-Mãe do Brasil, dona Maria da Baviera.  Já a  missa de 7º dia, na Antiga Sé e Capela Imperial do Rio de Janeiro, reuniu centenas de amigos dos 12 filhos e 29 netos que dona Maria deixou…

Celebrada por dom Orani Tempesta, Arcebispo do Rio, por dom Edney Mattoso, Bispo de Nova Friburgo, e pelo abade emérito do Mosteiro de São Bento, dom José Palmeiro, a missa por dona Maria foi a que ela bem merecia…

Descrita como um exemplo de vida para todos nós, dona Maria teve sua história contada pelos celebrantes, as alegrias e as tristezas daquela que foi, DE JURE — por tradição e direito dinástico — a Imperatriz do Brasil, desde que se casou com dom Pedro Henrique, neto e sucessor da princesa Isabel, a Redentora, em 1937…

Todos os filhos de dona Maria estavam presentes, à exceção do primogênito, dom Luiz, Chefe da Casa Imperial, que está doente em São Paulo. Cânticos latinos entoados pelo Coral do Seminário Arquidiocesano de São José, regido pelo maestro Antonio Pedro de Almeida, deram o tom ainda mais piedoso à missa. Foi muito emocionante…

Depois, na sacristia, sob o crucifixo presenteado, em 1817, pelo Imperador da Áustria a dona Leopoldina, quando esta se casou com dom Pedro de Alcântara, os filhos príncipes de dona MariaBertrand, Eudes, Isabel, Pedro, Fernando, Antonio, Eleonora, Francisco, Alberto, Maria Thereza e Maria Gabriela – receberam as condolências…

Quem gentilmente nos conta tais detalhes é o historiador Bruno de Cerqueira, estudioso do Império, que compareceu à missa, à qual, ausente do Brasil, não pude ir…

E quem quiser conferir algumas imagens, encontrei-as no You Tube. Vejam:

__________

Fonte: Blog da Hildegard Angel – http://noticias.r7.com/blogs/hildegard-angel/2011/05/21/a-missa-de-7º-dia-de-dona-maria-da-baviera/

Anúncios
Esse post foi publicado em Sem categoria e marcado , , , , , , , , , . Guardar link permanente.