Igreja de Nossa Senhora do Carmo da Antiga Sé 70º aniversário natalício de D. Luiz

70 anos de D. Luiz, Chefe da Casa Imperial e sucessor dinástico da Redentora

Fonte: Tribuna Livre, Ouro Preto (MG)
http://www.jornaltribunalivre.com.br/noticias_op/jun2008/15_06_2008_coro%20gregoriano.htm

15/06/2008 10:00

Coro Gregoriano homenageia a Família Real no Rio de Janeiro

Sob a regência do maestro Fabrício Rodrigues Pereira, o Coro Gregoriano de Ouro Preto, apresentou-se na manhã do último dia 8, da Catedral da Sé do Rio de Janeiro, homenageando os 70 anos do príncipe Dom Luiz Orleans de Bragança e lembrando os 200 anos da chegada da Família Real no Brasil. A Igreja de Nossa Senhora do Carmo é a mesma onde Dom João VI foi aclamado Rei e Dom Pedro I e Dom Pedro II imperadores.

O Coro Gregoriano que participou da missa solene em homenagem à Família Real, hospedou-se no Mosteiro de São Bento, onde também acompanhou os monges no Ofício das Laudes. Em suas apresentações o coro foi acompanhado pelo organista Handel Cecílio e pelo trompetista Clayton Miranda. Para o maestro Fabrício, a iniciativa foi uma “singela homenagem do Coro Gregoriano, levando uma mensagem de fé e de oração, através da música, reforçando assim, os laços da antiga Vila Rica com a história do povo brasileiro”.

Panorama da assembléia na Antiga Sé durante a Missa.

D. Abade José Palmeiro Mendes OSB e a Conselheira Lêda Machado junto com o
Senhor Jean Alex Tamazato, de São José dos Campos (SP), no almoço comemorativo.

O Chefe da Casa Imperial do Brasil ouve breve discurso de sua sobrinha, a Princesa D. Amélia, tendo ao outro lado a irmã desta, Princesa D. Maria Gabriela Fernanda, durante o Encontro Monárquico do Hotel Glória.

A Conselheira Lêda Machado e a Senhora Jiselda Aparecida de Oliveira
(artista plástica) posam em frente a um dos muitos quadros pintados por Gigi, reproduzindo fotografias ou telas famosas da
Família Imperial em Petrópolis e Rio de Janeiro.

Anúncios
Esse post foi publicado em Sem categoria e marcado . Guardar link permanente.